Mude o comportamento. Você pode se chatear mais com os comportamentos da pessoa do que com quem ela realmente é. Perca menos tempo decidindo quem está “certo” e quem está “errado” e, no lugar disso, concentre-se no comportamento. É possível perceber que vocês brigam mais em algumas ocasiões (como logo antes de visitar a sua família) ou situações (como no vencimento do aluguel e das contas). Em vez de ficar bravo com a pessoa, fique determinado a mudar o comportamento.[12]
Se souber que ele passou ou está passando por algo estressante, demonstre que você é o apoio dele. Seja autêntica, e se não tiver acontecendo nada, obviamente não invente, tá? Pode ser sobre o trabalho, sobre família, sobre qualquer coisa. Se mostre ao lado dele, diga que você está lá para o que ele precisar. A ideia é que ele possa de fato perceber como você é essencial em sua vida.
Tipo si foi um motivo, por exemplo traição da sua parte, alguns homens realmente não voltam, mas si foi por besteiras aí é caso a si pensar e vc outra por ele, mas si ele não tinha quiser mas, parte pra outra, arruma uma pessoa melhor, sei que 4 anos não são 4 dais, mas tem coisas que não vale a pena, eu não sei sua história, mas vai ser feliz mulher, independente de tá com. Ele ou não, nenhuma mulher merece si humilhar pra homem”
Com todas as informações de como superar o ex e de como você tem sim outra opção ao invés de ficar insistindo em quem escolheu seguir sem você; com o recado dado de que você precisará de muita paciência para essa etapa; e também com a dica do trabalho do mestre em reconquistas, Gabriel Vilela, que desenvolveu o único método científico para despertar o hormônio do amor em um ex-namorado ou um ex-marido e fazê-lo relembrar como era feliz com você (clique aqui se ainda não leu. Pode te ajudar muito e trazer o seu ex de volta muito mais rápido), agora vou dividir coisas que eu mesma fiz para voltar com um ex, outras que não conhecia mas que fazem todo sentido – pois se tivesse realizado-as o resultado teria sido diferente – e também os conselhos dos profissionais de relacionamentos que entendem sobre recomeço de namoros e de casamentos. Vamos lá?

Talvez o relacionamento não esteja dando certo porque uma das pessoas, ou ambas, não entenderam que estar com alguém é saber ceder. Como você pode controlar só os próprios atos, que tal enxergar em que pontos não está cedendo e, então, deixar as coisas serem mais como seu parceiro quer? Claro que não precisa ser tudo do jeito dele, mas a ideia é atingir um equilíbrio em que os dois sintam-se ouvidos e tenham suas opiniões consideradas para decisões importantes ou para simples escolhas, como onde jantar na sexta-feira à noite.

O fato de eu ter sido a primeira, de ter chegado antes de você e ter sido a pessoa que ensinou à ele e aprendeu com ele o que é namorar, o fato de algum dia já ter dito que amava ele, mesmo sem ter certeza, jamais vai mudar. Mas que isso não te incomode, por favor, preste a atenção, são só vocês agora. Pra que se importar com alguém que já passou? Não há necessidade de você me olhar com cara de ódio toda vez que me encontra sem querer, não há necessidade de você agarrar no braço dele só porque estou no mesmo ambiente que vocês, não há necessidade de postar nas suas redes sociais algo atingindo minha aparência, de postar foto de vocês dois no status do WhatsApp com uma frase que inclue terceiros como um problema, no caso, frases indiretas para a ex. Não há necessidade de se preocupar, por favor, entenda.
A razão pela qual você está aqui é porque você quer sua ex-namorada de volta. Embora sabendo o que dizer a ela através de mensagens de texto é uma parte importante do processo, há muito mais para conquistá-la de volta. Se você quiser o método passo a passo real que você deve empregar para recuperá-lo, eu sugiro que você dê uma boa olhada no guia chamado o jogo do texto.
Desde que consegui finalmente encontrar o caminho para a cura dessas feridas do passado, e também desde que aprendi a fazer as pazes comigo, me amar, me aceitar, ser feliz sozinha e não me dedicar mais a amores fracassados, eu senti que precisava dividir isso com outras mulheres que pudessem estar vivendo o mesmo. Eu percebi que tinha que conversar e ajudar quem, assim como eu, já se humilhou por alguém, já deixou de levantar da cama depois de um pé na bunda ou passou horas e horas stalkeando as redes sociais de um ex como se a autodestruição fosse a única saída para tanta dor.
Nossos especialistas elaboraram durante anos, junto com nossos membros, uma coleção de recomendações e estratégias para ajudar as pessoas que se encontram em circunstâncias amorosa difíceis. Através do nosso artigo gratuito você pode aprender das experiências de milhares de pessoas que passaram por uma situação parecida com a sua e assim aproveitar a possibilidade de reconquistar o amor do(a) seu(sua) ex com êxito. O artigo gratuito “Os melhores conselhos para reconquistar o amor do(a) seu(sua) ex-namorado/marido” e(ou) namorada/esposa, ajuda entre outras coisas, nas seguintes situações:
Porém, se você não procurá-lo e não mostrar interesse em saber sobre o que ele está fazendo, a atitude pode causar um efeito contrário: ele fica intrigado e quer saber se você está chorando as pitangas ou se já esqueceu. Você não precisa se afastar para sempre, mas pelo menos no primeiro mês, tire um tempo para si. Não procure ele, não tente saber da vida dele e, se encontrar um amigo em comum, finja que está tudo bem. As notícias vão chegar para ele e a reação será pensar mais em você e se perguntar se tomou a decisão certa.
Eu recomendo porque ele é especialista nesse tema e pode te ajudar muito. Como eu disse, eu estudo relacionamentos há mais de 12 anos mas o meu foco está muito ligado ao final de uma relação. O Gabriel Vilela não, ele se dedica inteiramente a ajudar mulheres e reatarem com seus ex, independente do motivo que tenha levado ao término ou separação. CLIQUE AQUI e conheça os segredos da Reconquista Perfeita.
Isso é algo super comum. Inclusive, eu mesma terminei alguns relacionamentos porque pensar que seria mais feliz sozinha e depois de um tempo percebia que as coisas com ele não era tão ruim assim. Logo, me arrependia. O problema é que quando isso acontece, significa que a pessoa ficou em segundo plano e provavelmente não confiaria de novo em quem a deixou. Mas em breve falaremos das maneiras de consertar isso.
O tempo ensina, o tempo cansa, amadurece idéias, sentimentos, ameniza dores, esfria emoções, cria expectativas, estressa... mas é fato: ele não espera, ele passa. Não espere pelos outros, procure sincronizar o que lhe faz bem com as vibrações, com as pessoas e com tudo que está no seu tempo. O tempo já traz consigo todas as perdas que acumulamos ao longo da vida, não percamos mais em não viver.
Quando foi embora eu chorei, chorei muito, chorei pra caralho. Achei q minha vida tinha acabado naquele momento, eu me vi dentro de uma caixa escura, sem nenhuma brecha por onde eu poderia escapar, sentir-me afogando dentro de uma caixa pequena com uma tampa com um peso incalculável. Tentei me imaginar sendo feliz sem você e só o q eu via, era eu não conseguindo me prender a mais ninguém, e me via implorando para te ter de volta. Mais aquele sentimento de angustia foi ficando, mais e mais forte até que eu adormeci, no começo achei que não adiantava de nada esse sono repentino, por que até lá esse sentimento me acompanhou. Mas a diferença veio quando eu despertei  com a sensação de que nada havia acontecido, com a mente leve, respiração calma e limpa. Dai apaguei tudo que me fazia lembrar de você, apaguei contato, fotos, musicas, mensagens, te bloquiei, no momento não pensei em nada, só fiz o q meu coração pedia, levantei lavei o rosto e me olhei no espelho e disse a mim mesma: - você nasceu com ele? Você sobrevive de que? De amor? Respira amor? Quando você não conhecia ele você não vivia bem? Então vai morrer agora porque? Dai vi que a dor da sua ausência não me acrescentava mais, q sua ausência não influenciava mais no meu humor. Então eu resolver te desbloquear, pq sua felicidade já não me incomodava mais. Dai eu decidir fazer de mim mesma a minha própria felicidade, e pronto to fazendo isso até hoje! Sinto sua falta? Sim, sinto muito, ainda doi quando me lembro de você, mais sabe como me lembro de você hoje? Lembro de você como uma coisa que foi muuuito boa… Sabe aquela vontade de conversar contigo toda noite? Pois é, ela aparece todos os dias, mas eu vi que Deus não dar a ninguém nenhuma dor que possamos aguentar, e que nenhuma dor dura para sempre, e sim tempo suficiente para que aprendemos a crescer sozinhos..
O fato de eu ter sido a primeira, de ter chegado antes de você e ter sido a pessoa que ensinou à ele e aprendeu com ele o que é namorar, o fato de algum dia já ter dito que amava ele, mesmo sem ter certeza, jamais vai mudar. Mas que isso não te incomode, por favor, preste a atenção, são só vocês agora. Pra que se importar com alguém que já passou? Não há necessidade de você me olhar com cara de ódio toda vez que me encontra sem querer, não há necessidade de você agarrar no braço dele só porque estou no mesmo ambiente que vocês, não há necessidade de postar nas suas redes sociais algo atingindo minha aparência, de postar foto de vocês dois no status do WhatsApp com uma frase que inclue terceiros como um problema, no caso, frases indiretas para a ex. Não há necessidade de se preocupar, por favor, entenda.
Como já diz o ditado, ninguém nasceu grudado. Se ela quer sair sozinha, qual é o problema? Se ele quer ir ver o jogo de futebol no estádio sem a sua companhia, e daí? Negar a liberdade do outro, falando não apenas de vida amorosa como também de amizade, é o maior veneno para uma relação. A forma mais sincera de estar junto com alguém é querer de fato estar com essa pessoa. Cobranças só fazem com que os encontros tenham uma sensação de obrigação e isso não é nada bom.
Eu não tenho fobia com ex, ao menos não com uma ex que tenha sido bem vivida, bem curtida. Fico mais apreensiva em relação àquelas que podem vir a ser casos passageiros, aventurazinhas bobas, mas que podem surpreender. Não temo fantasmas, temo gente bem viva, bem acordada, oferecendo novidades, fantasias. Ex é um direito adquirido. Chegou antes. Tem privilégios. Merece respeito. E se seu grande amor cair nessa armadilha, terminar com você e voltar para o passado, relaxe, não se apavore. Será sua vez de assombrar. A ex agora é você.

Quantas vezes durante essa reconquista e essas voltas, eu não perdi a cabeça? Milhares. Justamente porque eu amava a pessoa desde que ela obedecesse o meu prazo. Eu ficava bonitinha tentando fazer ele ver como eu tinha mudado, como seríamos felizes juntos e tudo mais. De repente, me sentia insegura, falava para ele se decidir do que queria ou então “eu ia desistir de vez”. E adivinhem? Obviamente ele dizia que essa era mais uma prova de como o nosso namoro não tinha paz, que até para voltar o namoro a gente brigava, e decidia que não queria reatar comigo naquele momento. Eu, rejeitada de novo, me sentia mais obcecada e apaixonada por ele, e ao invés de seguir as ameaças que eu mesma fiz – dizendo que ia desistir e sumir -, eu voltava a implorar por uma nova chance.

Porém, se você não procurá-lo e não mostrar interesse em saber sobre o que ele está fazendo, a atitude pode causar um efeito contrário: ele fica intrigado e quer saber se você está chorando as pitangas ou se já esqueceu. Você não precisa se afastar para sempre, mas pelo menos no primeiro mês, tire um tempo para si. Não procure ele, não tente saber da vida dele e, se encontrar um amigo em comum, finja que está tudo bem. As notícias vão chegar para ele e a reação será pensar mais em você e se perguntar se tomou a decisão certa.


Talvez o relacionamento não esteja dando certo porque uma das pessoas, ou ambas, não entenderam que estar com alguém é saber ceder. Como você pode controlar só os próprios atos, que tal enxergar em que pontos não está cedendo e, então, deixar as coisas serem mais como seu parceiro quer? Claro que não precisa ser tudo do jeito dele, mas a ideia é atingir um equilíbrio em que os dois sintam-se ouvidos e tenham suas opiniões consideradas para decisões importantes ou para simples escolhas, como onde jantar na sexta-feira à noite.

Ninguém garante nada nesta vida. Mas não vejo muita razão para alguém se preocupar demasiadamente com os ex. Eles já tiveram sua vez. Por alguma razão, não deu certo. Eu sei, eu sei, isso não quer dizer absolutamente nada, os dois podem ter continuado a se amar mesmo assim, eles podem ter deixado arestas por apontar, eles podem ter coisas entaladas na garganta para dizer um ao outro. Brrrrr. Assustador. Mas também é muito provável que, se eles tentarem de novo, vão esbarrar nos mesmos problemas que os fizeram separar. Ex é prato requentado. Quase um parente.

Às vezes, não tem jeito. Você já tentou de tudo, nada funciona, parece que a relação está prestes a definhar. Nesse caso, pedir um tempo pode funcionar. Estar longe também nos ajuda a entender o quanto gostamos de alguém e quanto essa pessoa faz falta. Experimentar alguns dias sozinho e sem contato não só vai te fazer perceber a diferença que a presença dessa pessoa faz na sua vida, como também dá tempo para os pensamentos se organizarem com calma.

Você precisa ser forte na arte da reconquista, pois mascarar os reais sentimentos para recuperar o amado será uma tarefa difícil e exigirá muito autocontrole. É necessário fazer o possível para realmente sentir-se bem, sair da depressão e ter motivação para seguir com o plano. Se tiver oportunidade de encontrar o ex, este provavelmente será o momento mais complicado, pois você não poderá ter nenhuma recaída sentimental.
×