Esqueça o passado. Durante uma briga, a tentação para insultar o outro ou fazer comentários injustos sobre o passado pode ser muito grande, já que você sabe melhor do que ninguém como atingir seu parceiro. No entanto, esse tipo de atitude só servirá para deixar todos os envolvidos ainda mais irritados, talvez prejudicando a relação de maneira irreversível. Mantenha o foco no problema atual.[19]

Se souber que ele passou ou está passando por algo estressante, demonstre que você é o apoio dele. Seja autêntica, e se não tiver acontecendo nada, obviamente não invente, tá? Pode ser sobre o trabalho, sobre família, sobre qualquer coisa. Se mostre ao lado dele, diga que você está lá para o que ele precisar. A ideia é que ele possa de fato perceber como você é essencial em sua vida.
Não se resolve nada com telepatia. Você pode estar bravo e se remoendo com alguma coisa e a outra pessoa nem fazer ideia do que se passa pela sua cabeça. Com os mais distraídos, nem cara de bravo adianta. A comunicação, portanto, é a base de qualquer relação, e a falta dela pode fazer o respeito dissipar-se em pouco tempo. Converse, conte para o seu parceiro o que te incomoda e entenda o que ele sente também. A ideia não é jogar nada na cara de ninguém, mas explicar assertivamente suas angústias e pensamentos. Ser passivo-agressivo ou reativo só vai fazer com que o efeito seja contrário e ninguém se entenda.
"Cometi quase todos os erros que está escrito no seu pacote de ajuda imediata de como reconquistar um amor perdido. E isso me levou a uma situação na qual quase não consigo ter contato com meu amor(...) Tenho que concordar que é assustador até onde pode chegar, se simplesmente não se faz o correto. Porém, depois que apliquei seus conselhos e estratégias práticas, de repente tudo mudou e foi tudo muito rápido. Desde ontem voltamos a ficar juntos novamente."
Eu sei que estamos brigados e você não quer saber de mim. Mas eu não posso simplesmente desistir de nós assim! Eu não imagino a minha vida sem você nela, não imagino minhas manhãs sem você me dando bom dia. Não suporto te imaginar com outra pessoa e não vou deixar que a oportunidade de te pedir desculpas escape. Me perdoe pelos meus erros. Eu sei que não sou perfeito, mas farei o possível para consertar isso. Só preciso de uma nova chance!

Se você é nova aqui, deixa eu te explicar. Sou publicitária, jornalista, pesquisadora e investigadora em Luto Amoroso e Relacionamentos. Em 2017 tomei um pé na bunda inesperado e resolvi unir meus anos de pesquisas e estudos com a minha facilidade com as palavras, e criei um lugar em que as mulheres pudessem encontrar apoio e ajuda quando estivessem passando por um problema amoroso, um término de namoro ou uma separação. Desde então, o UNIDAS DA FOSSA cresceu, e hoje é a primeira plataforma no mundo focada em rompimentos amorosos para o sexo feminino.


Com aquele meu 5º ex – que consegui voltar mesmo quando eu jamais imaginei que teria uma chance e te contei aqui -, eu nunca disse que estava com alguém. Mas algumas vezes demorei para responder ele, ou acabei comentando que tinha saído na noite anterior, ou contava que conheci um bar legal e indicava para ele, ou que estava no cinema etc, e tudo isso de alguma forma mexia com ele. Com certeza contribuiu para voltarmos.
Assuma a responsabilidade. Reconheça sua contribuição para a discussão. Admita que você acusou o parceiro, disse algo ruim ou falou algo antes de saber de toda a situação. Admita se você se fechou emocionalmente, se está sem energia, se está descontando o estresse no outro ou não se importando com ele. Seja responsável pelas suas palavras e ações sem envolver a culpa.[6]
Não tente reatar um namoro tóxico ou abusivo. Por mais que você se sinta solitária ou entediada após o fim de um relacionamento tumultuoso, tente se livrar desses sentimentos em vez de correr para os braços do seu ex. Os relacionamentos que terminam e recomeçam com frequência costumam se basear em padrões nocivos que não desaparecem. Resista à tentação quando souber que está melhor solteira.
×