Você achava que ele estava morto e enterrado, mas que nada, o fantasma ainda assombra. Manda e-mails pro seu amor, telefona de vez em quando, surge nos mesmos lugares em que vocês estão. Uma praga. Vocês construíram uma relação supersólida, está tudo indo mais do que bem, não há motivo para desconfiança ou insegurança. Mas até quando? O ser humano é saudosista por natureza. De repente, num momento de carência, você pode não estar por perto e o seu amor se deixar levar por uma sessão nostalgia. Quem garante que não?

Eu sei que estamos brigados e você não quer saber de mim. Mas eu não posso simplesmente desistir de nós assim! Eu não imagino a minha vida sem você nela, não imagino minhas manhãs sem você me dando bom dia. Não suporto te imaginar com outra pessoa e não vou deixar que a oportunidade de te pedir desculpas escape. Me perdoe pelos meus erros. Eu sei que não sou perfeito, mas farei o possível para consertar isso. Só preciso de uma nova chance!


Ela decidiu se afastar de você, não te procurar, nem se quer sorrir pra você. Tomou essa decisão porque não se sentia mais importante pra você. E claro, está sendo difícil, ela está enfrentando uma guerra interna contra si mesma. Mas não pode voltar atrás, não dá pra ficar se iludindo de que isso seria importante pra você, ou mudaria sua vida te fazendo um pouco mais feliz. Ela se afastou e você nem sequer notou, se importou ou à procurou. Com certeza ela tomou à decisão certa, mesmo sendo um pouco difícil, ela vai viver assim. Ela se importou demais; e mesmo que ainda se importa um pouco, isso não é e nunca seré suficiente pra você. Toda a preocupação, todo esforço, toda corrida que ela sempre fez pra te ver, nada, N-A-DA que ela fez bastou pra você. Ela se queria atenção e carinho sem ter que pedir ou implorar. Por isso que agora ela segue em frente com a vida dela. Porque pra ela, você


Ninguém garante nada nesta vida. Mas não vejo muita razão para alguém se preocupar demasiadamente com os ex. Eles já tiveram sua vez. Por alguma razão, não deu certo. Eu sei, eu sei, isso não quer dizer absolutamente nada, os dois podem ter continuado a se amar mesmo assim, eles podem ter deixado arestas por apontar, eles podem ter coisas entaladas na garganta para dizer um ao outro. Brrrrr. Assustador. Mas também é muito provável que, se eles tentarem de novo, vão esbarrar nos mesmos problemas que os fizeram separar. Ex é prato requentado. Quase um parente.
Meu melhor conselho é que você tem que sentir isso. Geralmente, se você está respondendo emocionalmente às suas mensagens, ela provavelmente está respondendo emocionalmente com a sua. A chave para deixá-la querer mais é encontrar o ponto alto da conversa emocional. Em outras palavras, você precisa manter um olho para uma mensagem de texto que satisfaça as três características.
Se sentir que não consegue controlar o nervosismo, evite ao máximo estar no mesmo ambiente que ele. Quando estiver perto, não encare e não fique em volta. Tente enxerga-lo como um simples amigo e agir naturalmente para que o plano funcione com eficiência. Lembre-se que todo o sofrimento será recompensado quando você puder abraçá-lo novamente com a certeza de que, dessa vez, nada mais vai dar errado.
Eu posso imaginar que você teve menos tempo para seus amigos quando você teve um relacionamento. Muitas vezes há piadas suficientes feitas por amigos quando um deles consegue um relacionamento. “Nós nunca vemos isso de novo! Descanse em paz! “Mas agora que você não tem mais um relacionamento, é o momento perfeito para começar com seus amigos novamente.
Quando foi embora eu chorei, chorei muito, chorei pra caralho. Achei q minha vida tinha acabado naquele momento, eu me vi dentro de uma caixa escura, sem nenhuma brecha por onde eu poderia escapar, sentir-me afogando dentro de uma caixa pequena com uma tampa com um peso incalculável. Tentei me imaginar sendo feliz sem você e só o q eu via, era eu não conseguindo me prender a mais ninguém, e me via implorando para te ter de volta. Mais aquele sentimento de angustia foi ficando, mais e mais forte até que eu adormeci, no começo achei que não adiantava de nada esse sono repentino, por que até lá esse sentimento me acompanhou. Mas a diferença veio quando eu despertei  com a sensação de que nada havia acontecido, com a mente leve, respiração calma e limpa. Dai apaguei tudo que me fazia lembrar de você, apaguei contato, fotos, musicas, mensagens, te bloquiei, no momento não pensei em nada, só fiz o q meu coração pedia, levantei lavei o rosto e me olhei no espelho e disse a mim mesma: - você nasceu com ele? Você sobrevive de que? De amor? Respira amor? Quando você não conhecia ele você não vivia bem? Então vai morrer agora porque? Dai vi que a dor da sua ausência não me acrescentava mais, q sua ausência não influenciava mais no meu humor. Então eu resolver te desbloquear, pq sua felicidade já não me incomodava mais. Dai eu decidir fazer de mim mesma a minha própria felicidade, e pronto to fazendo isso até hoje! Sinto sua falta? Sim, sinto muito, ainda doi quando me lembro de você, mais sabe como me lembro de você hoje? Lembro de você como uma coisa que foi muuuito boa… Sabe aquela vontade de conversar contigo toda noite? Pois é, ela aparece todos os dias, mas eu vi que Deus não dar a ninguém nenhuma dor que possamos aguentar, e que nenhuma dor dura para sempre, e sim tempo suficiente para que aprendemos a crescer sozinhos..
Desculpe se você é um cara e está lendo isso, mas é verdade. Quero dizer, eu não deveria agrupar todos os homens sob uma categoria porque alguns homens têm razões diferentes para se afastar, mas essa é a única racionalização que faz sentido para mim. Ou é isso ou eu sou louca. E antes de continuarmos eu gostaria de dizer que estou bem, oh sim, estou muito bem!
Com todas as informações de como superar o ex e de como você tem sim outra opção ao invés de ficar insistindo em quem escolheu seguir sem você; com o recado dado de que você precisará de muita paciência para essa etapa; e também com a dica do trabalho do mestre em reconquistas, Gabriel Vilela, que desenvolveu o único método científico para despertar o hormônio do amor em um ex-namorado ou um ex-marido e fazê-lo relembrar como era feliz com você (clique aqui se ainda não leu. Pode te ajudar muito e trazer o seu ex de volta muito mais rápido), agora vou dividir coisas que eu mesma fiz para voltar com um ex, outras que não conhecia mas que fazem todo sentido – pois se tivesse realizado-as o resultado teria sido diferente – e também os conselhos dos profissionais de relacionamentos que entendem sobre recomeço de namoros e de casamentos. Vamos lá?
Sua atratividade é determinada pelo aspecto externo, sua personalidade e seu estilo de vida, e isso não somente influencia na possibilidade de reconquistar o amor do seu(sua) ex, mais também ajuda você a obter êxito em outros âmbitos da sua vida. Nós propomos aqui como você poderá aumentar sua atratividade em pouco tempo em cada âmbito da sua vida.
O tempo que se necessita para reconquistar um homem depende naturalmente da sua situação em particular. Em alguns casos as pessoas conseguiram reconquistar seu(sua) ex em poucos dias, já em outros levou semanas. É fundamental que você leia o artigo gratuito o quanto antes "Os melhores conselhos para reconquistar seu/sua ex" assim você poderá melhorar muito as suas chances de voltar com seu grande amor o mais breve possível.
Expresse seus sentimentos. Livre-se do hábito de culpar o outro por tudo, o que pode deixá-lo na defensiva. É diferente falar: “Estou muito chateado por não ter visto você na festa ontem” e “Por que você não foi na festa ontem? Onde você se meteu?” Em vez de colocar o foco na outra pessoa, concentre-se em você. Seja dono dos seus sentimentos e expresse-os com honestidade na conversa. Pode parecer mais natural culpar ou acusar o outro, mas mantenha o foco em você e nos seus sentimentos.[9]
Porém, se você não procurá-lo e não mostrar interesse em saber sobre o que ele está fazendo, a atitude pode causar um efeito contrário: ele fica intrigado e quer saber se você está chorando as pitangas ou se já esqueceu. Você não precisa se afastar para sempre, mas pelo menos no primeiro mês, tire um tempo para si. Não procure ele, não tente saber da vida dele e, se encontrar um amigo em comum, finja que está tudo bem. As notícias vão chegar para ele e a reação será pensar mais em você e se perguntar se tomou a decisão certa.
A gente já namorou uma vez e nada deu certo, eu sei. Você deve estar desacreditada do nosso amor, achando que eu não sou a pessoa certa para você. Mas eu sou quem te faz sorrir e quem te faz suspirar, então, por que negar isso pra si mesmo? Eu sei que não acertamos naquela época, mas agora é diferente. Amadurecemos e somos outros. Eu já superei os nossos erros, e você? Está pronta para começar tudo do zero?
Se souber que ele passou ou está passando por algo estressante, demonstre que você é o apoio dele. Seja autêntica, e se não tiver acontecendo nada, obviamente não invente, tá? Pode ser sobre o trabalho, sobre família, sobre qualquer coisa. Se mostre ao lado dele, diga que você está lá para o que ele precisar. A ideia é que ele possa de fato perceber como você é essencial em sua vida.

Estávamos a 7 meses juntos… Era tudo perfeito… Só que o erro foi meu… Prometi várias vezes não ter contato com um ex como amigo e ele descobriu uma ,duas três… E sempre acabava colocando o orgulho dele debaixo do braço e voltamos… Mas na última vez ele pegou um chip antigo meu e mandou mensagem se passando por mim para o rapaz… Ele me mostrou e eu surtei mandei o print dos Whats e mandei as coisas dele para casa dele com um taxista amigo e pedi minhas coisas… Enfim nesse um mês e pouco ainda continuo ficando com ele… Corro atrás, quando eu sumo ele me procura, mas não é nada além de cama… Ele até responde meus whats, mas ele tá frio… E sinceramente não sei o q fazer… Essa situação na verdade tá me machucando e parece q criei um bloqueio pois não consigo olhar para outras pessoas, minha vida tá girando em torno de ter ele de volta…


Porém, se você não procurá-lo e não mostrar interesse em saber sobre o que ele está fazendo, a atitude pode causar um efeito contrário: ele fica intrigado e quer saber se você está chorando as pitangas ou se já esqueceu. Você não precisa se afastar para sempre, mas pelo menos no primeiro mês, tire um tempo para si. Não procure ele, não tente saber da vida dele e, se encontrar um amigo em comum, finja que está tudo bem. As notícias vão chegar para ele e a reação será pensar mais em você e se perguntar se tomou a decisão certa.

Assuma a responsabilidade. Reconheça sua contribuição para a discussão. Admita que você acusou o parceiro, disse algo ruim ou falou algo antes de saber de toda a situação. Admita se você se fechou emocionalmente, se está sem energia, se está descontando o estresse no outro ou não se importando com ele. Seja responsável pelas suas palavras e ações sem envolver a culpa.[6]
×